Pitanga: a gigante dos nutrientes

Está errado quem acredita que a pitanga é apenas uma “frutinha”. Com sabor agridoce e coloração alaranjada, ela é gigante no quesito nutriente, pois concentra muitos compostos bioativos que melhoram a imunidade e previnem o câncer.

Benefícios da pitanga

Os benefícios começam com as folhas da pitangueira que tem sido referenciada como eficiente para bronquite, inchaço, proteção cardiovascular, obesidade e o poder anti-inflamatório. Para isso, basta ferver a água, acrescentar as folhas, deixar abafado por 10 minutos, coar e consumir em seguida.

Já a fruta, além de deliciosa possui uma excelente quantidade de licopeno que atua na prevenção do câncer de próstata e na fotoproteção contra os raios ultravioleta. Sem contar que carregam mais compostos fenólicos do que a amora preta.

A fruta tem mais carotenoides que a cenoura

E os adjetivos não param por aí, a concentração de carotenoide é superior ao da cenoura, hortaliça considerada uma das principais fontes do composto.

Nessa “pequena fruta” ainda existe mais antocianinas do que na romã. Nutriente que tem papel fundamental na prevenção de doenças do coração e neurodegenerativas.

A única desvantagem está na comercialização. A pitanga é muito delicada e quando está madura o manuseio da colheita, o calor e frio podem machuca-la e favorecer o apodrecimento. Por isso é difícil encontra-las frescas, mas as congeladas ainda guardam muitos benefícios.

Quem tem facilidade em encontrar, aproveite e consuma in natura, nos sucos, geleias e até em receitas como sobremesas e molhos. Solte a imaginação e inclua na dieta.

Suco de pitanga com laranja

1 xícara (chá) de suco de laranja

½ xícara (chá) de pitangas

1 colher (chá) de raspas de laranja

Preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador e adicione gelo. Consuma em seguida.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *