Os meios de pagamento: a evolução para smartphones

Lá em 1859 Darwin já apresentava a Teoria da Evolução, defendendo que cada espécie evoluía através da seleção natural. E isso nunca foi tão atual. Em qualquer área que se pense, a evolução está ali, como marca registrada. Nos meios de pagamento não é diferente.

Já tivemos, há séculos atrás, o escambo, depois veio a época em que pagamentos eram feitos com animais (vacas, carneiros, ovelhas, etc). Muitos outros meios foram utilizados nos mais diferentes lugares do mundo. Apenas em 1.000 a.C surge, na China, as primeiras moedas de metais preciosos.

A partir de 618 d.C surgem as primeiras cédulas de dinheiro que se tem notícia, também na China, seguida da Europa. Em 1816, porém, na Europa, era iniciado o “Padrão Ouro”, primeiro sistema monetário internacional, que funcionou até o começo da Primeira Guerra Mundial.

A grande evolução: o cartão de crédito como meio de pagamento.

Durante um jantar, em 1949, o empresário inglês Fred McNamara percebeu que não tinha dinheiro suficiente no bolso para pagar um jantar. Ficou pensando que deveria poder pagar pelo que era capaz e não pelo dinheiro que tinha no bolso no momento. Aqui aparece a primeira forma de cartão de crédito, algo tão revolucionário que evoluiria tudo o que se conhecia sobre meios de pagamento até então: o Diners Club Card, primeiro cartão de crédito da história.

Muitas empresas vieram após isso, por muitas décadas, em todos os lugares do mundo. De lá para cá, durante um bom tempo, os cartões de crédito reinaram absolutos como ferramenta indispensável para pagamentos. A evolução acontecia dentro dos próprios cartões, a tecnologia ali empregada era (e é) cada vez mais avançada.

Novos Meios de Pagamentos

Mas os novos meios de pagamentos finalmente chegaram, e chegaram com uma evolução absurda, trazendo consigo uma bagagem de tecnologia imensa e proporcionando tantas facilidades, tanto para quem recebe quanto para que está pagando, que é possível escolher a forma que mais lhe convém para pagar qualquer coisa.

Com esse leque de opções, é necessário analisar vários fatores para escolher aquele que mais facilitará as situações. O lojista tem que pensar no perfil do seu cliente, quais os tipos que ele usa, qual o nível de conhecimento e facilidade que ele tem, como é sua conexão, qual seu meio de vendas, qual seu produto, etc.

Para o consumidor, é necessário pensar qual o benefício que cada meio traz, quais os meios de pagamentos que as empresas que ele frequenta têm disponível, como é a usabilidade e a facilidade de conexão. Enfim, qual melhor se adapta ao cotidiano de cada um.

Na Cooper Card

A Cooper Card é uma das principais empresas de cartões de crédito e benefícios do Brasil e também está inserida neste novo modelo de meios de pagamento.

Além dos cartões, que são aceitos em mais de 60.000 estabelecimentos de todo o país, a empresa disponibiliza o Aplicativo POS. Para os lojistas é benéfico pois elimina o uso de maquininhas diversas, utilizando apenas um celular com acesso à internet, podendo ser utilizado tanto em ponto físico quanto em entregas ou pontos móveis.

No App POS, o lojista pode gerar a venda e o consumidor simplesmente digita a senha do cartão no próprio aplicativo.

Meios de pagamento: QR Code

Outra forma de recebimento, dentro do App POS é a geração de um QR Code pelo lojista, que deve ser escaneado pelo consumidor para o pagamento. Nesse caso, ambos devem ter o aplicativo disponível em seus smartphones. Esse método é totalmente seguro e rápido, ideal para o dia-a-dia de qualquer tipo de empresa, inclusive MEIs.

O próximo passo, a ser liberado já nos próximos dias, é o QR Code fixo para os credenciados: cada empresa terá um QR Code único que ficará disponível no caixa, nas mesas, balcões e pastas de recebimentos. Com ele, o cliente apenas escaneia o código, digita o valor e a senha, e pronto! Conta paga em segundos!

Achou interessante? Esses meios de pagamento já são utilizados por diversas empresas, em muitos lugares do mundo. Fique atento, a Cooper ainda tem muita novidade vindo por aí.

Ah, vale lembrar que esses meios de pagamentos estão disponíveis para qualquer cartão Cooper Card, seja ele crédito (parceiros) ou benefícios (alimentação, refeição, multi benefícios, gift, etc).

Um comentário em “Os meios de pagamento: a evolução para smartphones

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *